sexta-feira, 10 de abril de 2009

Mestre Pasteleiro

Não tenho grande jeito para a cozinha. Isto é, o que faço não sai muito mal mas faço muito pouca coisa porque sou preguiçoso. O arroz, por exemplo, ultrapassa-me. Das duas ou três vezes que tentei, saiu uma pasta daquelas que colaria ao tecto e, passados dois dias, cairia com a tinta agarrada.
No entanto, sempre gostei de ajudar a minha mãe a fazer bolos. Hoje foi um desses dias.

Pudim de Ovos

1 dúzia de gemas
375g açucar
1 cálice de vinho do porto

Tira-se um pouco do açucar para queimar e untar a forma. O restante açucar cobre-se com água e deixa-se atingir o ponto de espadano.
Deixa-se esfriar um pouco e verte-se em cima dos ovos mexidos com o vinho do porto. Mexe-se bem e deita-se na forma.
Pôr em banho maria por 25 min.


Esta receita era da minha tia I.. A minha tia fazia pudins como ninguém. Na altura das festas lá tinha ela de fazer não sei quantos pudins para todos os familiares e amigos que lhe pediam. A minha mãe não o faz mal mas não tem o toque da minha tia. Eu, muito menos.
Se gostarem de pudim, este é o rei dos pudins. Se não gostarem, experimentem este que é divinal. É das coisas mais doces que existe mas é mesmo bom.

Sempre que a minha tia fazia um pudim, fazia um outro bolo para aproveitar as claras. Este, a partir da minha infância tardia, início da adolescência ficou conhecido como o bolo do S. (o S. sou eu) porque, basicamente era eu que o comia quase todo. A disposição das sobremesas na mesa era variável mas, invariavelmente, este bolo era colocado à minha beira (ao pé de mim).

Bolo de Prata

7 claras de ovos
250g açucar
225g farinha
75g manteiga
fermento q.b.

Derrete-se a manteiga com o açucar. Juntam-se as claras batidas em castelo e a farinha (junto com o fermento), alternadamente. Vai ao forno. Antes de ficar cozido deita-se canela, açucar e nozes no topo.



P.S. Eu posso estar enganado mas acho que hoje ao início da tarde estava a passar o Sozinho em Casa na TV. Duas coisas me passaram em rápida sucessão pela cabeça. "Outra vez!!!" e "Mas não é Natal!?!?!?!?" :s

3 comentários:

bellsblog disse...

E uma foto dos doces, não há?;)


Também reparei no "sozinho em casa". Até pensei, que raio, não há mais nada para mostrar?!

Icon disse...

Diga-se de passagem que hoje, como falei nisso o bolo se desfez. Acabei de o tirar do forno e ele está com mau aspecto. Tenho a máquina fotográfica no carro. Logo à noite trago-a para cima e ainda tiro uma foto à desgraça.
Não ser atraente visualmente não afecta o efeito que provocará nas papilas gustativas.

Marina disse...

Pronto, afinal nao fui a unica a reparar na palermice de um filme de Natal na Sexta Feira Santa...
So por isso, ja valeu a pena vir aqui espreitar!

Ate breve!