segunda-feira, 3 de novembro de 2008

o Sol...

Não sei porque acreditei que te podia ter... Claro que um humano quando se tenta aproximar do Sol, queima-se. Fui sem fato protector. Maluco!

Eu sabia que as circunstâncias não tinham nada de favorável mas tb sei que me pareceste demasiado importante para que não tentasse.

Talvez tenha sido precipitado. Fiz o melhor que sei. O tempo veio dar-me razão. Ele não jogava a meu favor.

Vou tratar das queimaduras que, neste momento, doem um pouco. Mas vou recuperar!

Continuarás sempre a mexer comigo, Bb...

1 comentário:

Tiago disse...

Vais recuperar. Não sei quanto tempo vai demorar, mas vais recuperar.

Um abraço